Próximo leilão de linhas de transmissão permitirá maior interligação entre as regiões do Brasil, pontua MME

O Ministério de Minas e Energia (MME) participou, nesta segunda-feira (22/01), do workshop para esclarecimentos sobre o Leilão de Transmissão 1º/2024. O evento foi promovido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) para trazer esclarecimentos sobre o certame que está previsto para ocorrer em março deste ano.

Para o diretor do Departamento de Planejamento e Outorgas de Transmissão e Distribuição de Energia Elétrica e Interligações Internacionais (DPOTI) do MME, Guilherme Zanetti, a sequência de obras de transmissão planejadas licitadas promoverá a expansão da interligação das regiões Norte e Nordeste com o restante do país. “Com isso, ela é estratégica para ampliar a capacidade brasileira de geração de energia limpa e renovável, mais especificamente aquela gerada na região Nordeste. Esse é um resultado muito positivo para o Brasil, afinal o sistema elétrico necessita de expansão contínua”, destacou Zanetti durante o evento.”

A coordenadora-Geral de Planejamento da Transmissão substituta do DPOTI do MME, Thais Araújo, lembrou que o país mantém quase 50% da matriz energética oriundas de fontes renováveis e isso coloca o Brasil em uma posição favorável. A coordenadora apresentou o planejamento energético para os próximos dez anos. “As gerações de eólicas e solares estão com expectativas de crescerem 30%, enquanto a geração por termelétricas geradas a combustível fóssil e nuclear, irão diminuir cerca de 27%”, pontuou Thaís.

A previsão, de acordo com o Plano Decenal de Expansão de Energia (PDE), é que a transmissão de energia elétrica, tanto para linhas de transmissão como para capacidade de transformação de subestação, cresça mais de 20% nos próximos dez anos. A estimativa, segundo estudos da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), é que mais de 41 mil km de novas linhas de transmissão em 2032 chegando a um total de 220 mil km de linhas de transmissão em todo o território nacional.

O evento desta segunda-feira contou com a presença de representantes da ANEEL, do MME, da EPE e do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS).

1º Leilão de Transmissão de 2024

Previsto para março deste ano, o certame tem como objetivo contratar concessão de serviço público de transmissão de energia elétrica, englobando construção, operação e manutenção de instalações localizadas em treze estados. São eles: Alagoas (AL), Bahia (BA), Mato Grosso do Sul (MS), Maranhão (MA), Minas Gerais (MG), Paraíba (PB), Pernambuco (PE), Piauí (PI), Rio de Janeiro (RJ), Rio Grande do Norte (RN), Santa Catarina (SC), São Paulo (SP) e Tocantins (TO). Todas as linhas irão compor a Rede Básica do Sistema Interligado Nacional (SIN).

Estão previstos a licitação de 6.464 km de linhas de transmissão novas, além de seccionamentos, além de 9.200 MVA em capacidade de transformação de subestações.

Compartilhe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

No data was found

Próximo evento

Evento: Energy Summit 2024
Data: 17/06/2024
Local: Rio de Janeiro/RJ
00
Dias
00
Horas
00
Min.
00
Seg.
Evento: ENASE
Data: 19/06/2024
Local: Hotel Windsor Oceânico - Rio de Janeiro (RJ)
00
Dias
00
Horas
00
Min.
00
Seg.
Evento: Fórum GD Nordeste
Data: 07/08/2024
Local: Recife - PE
00
Dias
00
Horas
00
Min.
00
Seg.
Evento: CINASE
Data: 14/08/2024
Local: Centro de Convenções de Pernambuco - Olinda (PE)
00
Dias
00
Horas
00
Min.
00
Seg.

Controle sua privacidade

Nosso site usa cookies para melhorar a navegação.