PortugueseEnglishSpanishGerman

Iluminação pública: digitalização na iluminação

Dando sequência nesta série de artigos sobre o tema iluminação, já nos primeiros meses de 2022 iremos tratar do tema que vem ganhando força ao longo dos últimos anos e se consolidando como uma realidade a ser trabalhada cada vez mais em todos os processos e serviços de iluminação: a digitalização.

O tema não é novo, mas merece uma análise e reflexões no contexto atual, onde qualquer atividade, seja a revisão de um processo, seja um novo serviço deve ser pensado em termos de uma nova realidade onde o digital está cada vez mais presente e vem ampliando sua participação na vida de todos nós.

Em termos de projetos luminotécnicos, há muito tempo, utilizamos ferramentas digitais, mas, nos últimos anos, estamos observando cada vez mais uma integração entre os arquivos utilizados entre os diversos softwares de cálculo luminotécnico, bem como a compatibilização entre ferramentas utilizadas. O uso do BIM (Building Information Model), que, em português pode ser traduzido para “Modelo de Informação da Construção”, vem dando mais consistência nas informações e ajudando no desenvolvimento de projeto de iluminação integrada e com maior qualidade. O projeto deve ser pensado de forma que a iluminação faça parte do contexto completo e mais complexo da área a ser iluminada e do ambiente como um todo, e que ao longo do tempo sejam mantidas suas características e sua eficiência, fazendo parte deste ecossistema de projeto e inovação constante, inserindo a iluminação no mundo da internet das coisas e de outras evoluções que certamente ocorrerão em um futuro próximo.

Nos investimentos públicos, por meio dos contratos com empresas privadas com o avanço das PPPs (Parcerias Público-Privadas), é possível observar a evolução nos contratos e as ferramentas disponibilizadas à população para entrar em contato com a concessionária de IP, realizando rapidamente um contato, abrindo um “chamado” para um reparo ou comunicação diversa. Isso tem gerado rápido atendimento e retorno satisfatório, justificando os investimentos realizados, pagos pela população. Em temas amplamente debatidos como a geração de serviços e receitas acessórias nas PPPs, o mundo digital tem parte fundamental para que isto possa se transformar em realidade. No tema, precisamos tornar prática a aplicação da luz digital nas no desenvolvimento das cidades inteligentes, deixando de ser uma promessa para termos resultados práticos. Utilizar um sistema de telegestão, por exemplo, para obter benefícios da “luz com emissão contínua de fluxo luminoso ao longo do tempo” significa vencer a barreira técnica da depreciação dos equipamentos, com a aplicação de um controle inteligente que gera resultados desde o primeiro dia de utilização. Utilizar este mesmo sistema de telegestão para ampliar a disponibilidade de luz durante certos eventos também contribui para as práticas da transformação digital

Em áreas privadas a experiência com a luz também vem se aprimorando e os ambientes cada vez mais têm se utilizado destas ferramentas, dos sistemas de controle e de uma ação integrada nos ambientes internos para controle digital da luz e do consumo eficiente de energia elétrica. A medição e controle destes parâmetros fazem parte de um sistema integrado de controle, permitindo uma maior segurança dos investimentos e utilização das mais novas tecnologias. 

A criação de plataformas que podem ter diversos desenvolvimentos por diversas empresas em um ambiente multitecnológico e multiconectado pode parecer um sonho um pouco distante, mas dependerá do entendimento e esforço dos desenvolvedores do mercado de iluminação para que todos possamos nos beneficiar da luz digital integrada.

Autor:

Por Luciano Haas Rosito, engenheiro eletricista, diretor comercial da Tecnowatt e coordenador da Comissão de Estudos CE: 03:034:03 – Luminárias e acessórios da ABNT/ Cobei. É professor das disciplinas de Iluminação de exteriores e Projeto de iluminação de exteriores do IPOG, e palestrante em seminários e eventos na área de iluminação e eficiência energética. | lrosito@tecnowatt.com.br

Seja membro do portal e acesse o conteúdo completo!

PLANO

Virtual Gratuito
R$ 0,00 00
  • Conteúdo Digital (restrito)

PLANO

Impresso + Virtual
R$ 275,00 por ano
  • Revista Impressa
  • Conteúdo Digital (100%)
Popular

PLANO

Virtual Ilimitado
R$ 11,90 por mês
  • Conteúdo Digital (100%)

Detalhes dos Planos

ACESSOS
VIRTUAL GRATUITO
VIRTUAL ILIMITADO
IMPRESSO + VIRTUAL ILIMITADO
Notícias do Setor
Guias Setoriais
Conteúdo Empresarial
Eventos do setor
Webinar
Vídeos
E-books
Artigos de opinião
Fascículos
Artigos técnicos
Colunistas
Revista O Setor Elétrico - Leitura e Download
Revista Impressa

Próximo Evento

Evento: SNPTEE 2022
Data: 15/05/2022
Local: Riocentro
00
Dias
00
Horas
00
Min.
00
Seg.
Evento: Ecoenergy 2022
Data: 07/06/2022
Local: São Paulo Expo Exhibition & Convention Center
00
Dias
00
Horas
00
Min.
00
Seg.
Evento: 14° Fórum GD Sul
Data: 22/06/2022
Local: Florianopolis - SC
00
Dias
00
Horas
00
Min.
00
Seg.
Evento: SBSE 2022
Data: 10/07/2022
Local: Centro de Eventos da Universidade Federal de Santa Maria
00
Dias
00
Horas
00
Min.
00
Seg.

Controle sua privacidade

Nosso site usa cookies para melhorar a navegação.