Histórico e panorama de laboratórios de ensaios de equipamentos “Ex” no Brasil – 2/2

É apresentado a seguir um breve e resumido histórico de alguns dos principais “marcos” relacionados com a implantação e o desenvolvimento de Laboratórios Brasileiros de Ensaios de equipamentos “Ex”, desde a década de 1950.

Em 1958 foi inaugurado o Laboratório de Ensaios de Equipamentos “Ex” com “invólucros à prova de explosão” do Instituto de Eletrotécnica e Energia (IEE) da Universidade de São Paulo (USP), na cidade de São Paulo, com o apoio da Petrobras. Os serviços do Laboratório de Ensaios de equipamentos “Ex” do IEE/USP foram acreditados pelo Inmetro em 1997. As atividades do Laboratório de Ensaios de Equipamentos “Ex” do IEE foram suspensas em 2014, por decisão daquele Instituto da USP.

Exemplo de instalação de equipamentos “Ex” para instrumentação, em áreas classificadas contendo a presença de atmosferas explosivas, formadas por gases inflamáveis ou poeiras combustíveis. 

Em 1986 foi inaugurado o Laboratório de Ensaios de Equipamentos “Ex” (LABEx) do Centro Pesquisas de Energia Elétrica (Cepel) da Eletrobras, na localidade de Adrianópolis, em Nova Iguaçu (RJ). O LABEx do Cepel teve o seu projeto e construção baseado em cooperação técnica com o PTB (Physikalisch – Technische Bundesanstalt), localizado na então Alemanha Ocidental, sendo capaz de realizar ensaios completos de equipamentos elétricos de acordo com seu tipo de proteção “Ex”, incluindo a segurança aumentada (Ex “e”), segurança intrínseca (Ex “i”), encapsulamento (Ex “m”), imersão em óleo (Ex “o”), imersão em areia (Ex “q”) e invólucros pressurizados (Ex “p”). Os serviços do Laboratório LABEx do Cepel foram descontinuados em 2014, por decisão da Eletrobras.

Exemplo de instalação de painel “Ex” para distribuição de circuitos de força e controle, em áreas classificadas contendo a presença de atmosferas explosivas, formadas por gases inflamáveis ou poeiras combustíveis. 

O Laboratório de Ensaios de Equipamentos “Ex” da União Certificadora da Indústria Eletroeletrônica (UCIEE), operando desde por volta da década de 1990, foi incorporado em 2006 pelo Organismo de Certificação TÜV Rheinland do Brasil. O Laboratório de ensaios da TÜV Rheinland do Brasil, localizado na Cidade de São Paulo/SP, é acreditado pelo Inmetro desde 2002. O escopo de acreditação da TÜV Rheinland do Brasil pelo Inmetro abrange alguns ensaios (escopo parcial) relacionados com os tipos de proteção Ex “d”, Ex “e”, Ex “n” e Ex “m”.

Exemplo de instalação de painel local de controle “Ex” e caixas de junção “Ex”, em áreas classificadas contendo a presença de atmosferas explosivas, formadas por gases inflamáveis ou poeiras combustíveis. 

Como exemplo da “evolução” do sistema de certificação de equipamentos “Ex” no Brasil, pode ser lembrado que o primeiro RAC (Requisitos de Avaliação da Conformidade) para equipamentos “Ex” foi publicado pela Portaria Inmetro 164/1991, em 16/07/1991. No entanto, de acordo com o Artigo 1º da Portaria Inmetro 84, de 30/07/1997, o Inmetro autorizava, pelo prazo de seis meses, contados da data da publicação daquela Portaria, “a comercialização dos equipamentos elétricos para atmosferas explosivas, além daqueles com Certificados de Conformidade “Ex” emitidos por Organismos de Certificação acreditados pelo Inmetro, aqueles equipamentos “Ex” que possuíssem somente Relatórios de Ensaios “Ex”, desde que tivessem sido emitidos pelo Centro de Pesquisas de Energia Elétrica (Cepel), pela União Certificadora da Indústria Eletro Eletrônica (UCIEE), ou pelo Instituto de Eletrotécnica e Energia (IEE/USP) da Universidade de São Paulo”.

Exemplo de instalação de Switch de campo com padrão APL/2-WISE “Ex” em áreas classificadas contendo a presença de atmosferas explosivas, formadas por gases inflamáveis ou poeiras combustíveis. 

Em 2003, foram iniciados os serviços de ensaios de equipamentos “Ex” do Laboratório Brasileiro para ensaios de equipamentos “Ex” LABELO (Laboratórios Especializados em Eletroeletrônica), localizado na cidade de Porto Alegre, ligado à PUC do Rio Grande do Sul. Os serviços de ensaios de equipamentos “Ex” do LABELO foram iniciados com base em cooperação e treinamentos realizados por técnicos da equipe do LABELO em laboratórios do PTB (Physikalisch-Technische Bundesanstalt), na Alemanha e da UL (Underwriters Laboratories), em Northbrook/Chicago, nos Estados Unidos, abrangendo os tipos de proteção Ex “d”, Ex “e”, Ex “i”, Ex “m”, Ex “n”, Ex “o” e Ex “q”. Em 2019 o LABELO foi internacionalmente aprovado pelo IECEx, atuando como um ATF (Additional Testing Facility), operando em conjunto com a UL do Brasil, com escopo nos tipos de proteção Ex “d”, Ex “e”, Ex “i”, Ex “m”, Ex “n”, Ex ”o” e Ex “q”. Os serviços do Laboratório de Ensaios de Equipamentos “Ex” do Labelo foram suspensos por volta de 2021, por decisão da PUC/RS.

Exemplo de instalação de instrumentos transmissores intrinsecamente seguros (Ex “i”), em áreas classificadas contendo a presença de atmosferas explosivas, formadas por gases inflamáveis ou poeiras combustíveis. 

Em 2009 entrou em operação o Laboratório “Ex” TECHMULTLAB ENSAIOS, situado na cidade de São Paulo/SP, acreditado pelo Inmetro com escopo de ensaio para os tipos de proteção Ex “d”, Ex “e”, Ex “i”, Ex “m”, Ex “n”, Ex “o”, Ex “p” e Ex ”t”. O TECHMULTLAB executou, em 2020, ensaios de equipamentos “Ex” para fabricantes brasileiros de equipamentos “Ex”, executando ensaios “Ex” para um fabricante brasileiro de equipamentos “Ex”, de forma similar a um “ATF” no Sistema Internacional IECEx, sob supervisão de Laboratório de Ensaios “Ex” reconhecido no IECEx, de acordo com o indicado na página IECEx OD 024 – Testing Register – Offsite and Witness Testing Agreements.

Exemplo de instalação de painéis “Ex” para a distribuição de circuitos de força e controle, em áreas classificadas contendo a presença de atmosferas explosivas, formadas por gases inflamáveis ou poeiras combustíveis. 

Em 2022 foi acreditado pelo Inmetro o Laboratório de Ensaios de equipamentos “Ex” do DEKRA Brasil, localizado na cidade de Atibaia, no Estado de São Paulo. O escopo de acreditação deste Laboratório de Ensaios de equipamentos “Ex” pelo Inmetro abrange alguns ensaios (escopo parcial) relacionados aos tipos de proteção Ex “d”, Ex “e” e Ex “i”.

Exemplo de instalação de caixas de terminais Ex “e” (segurança aumentada) em áreas classificadas contendo a presença de atmosferas explosivas, formadas por gases inflamáveis ou poeiras combustíveis. 

No presente momento, dando continuidade à longa história de quase 70 anos da existência de Laboratórios Brasileiros para Ensaios de Equipamentos “Ex”, foi acreditado pelo Inmetro e entrou em operação, em 31/03/2023, os serviços de Ensaios de Equipamentos “Ex” do Laboratório CPEx (Centro de Pesquisa “Ex”), abrangendo ensaios de equipamentos de instrumentação, automação, telecomunicações, elétricos e mecânicos “Ex”, com base nas Normas Técnicas Brasileiras adotadas das Séries ABNT NBR IEC 60079 e ABNT NBR ISO 80079.

Exemplo de instalação de conjunto motor + caixa de engrenagens, contendo equipamentos elétricos e mecânicos “Ex” em áreas classificadas, contendo a presença de atmosferas explosivas formadas por gases inflamáveis ou poeiras combustíveis. 

Exemplo de instalação de conjunto moto-compressor contendo equipamentos elétricos e mecânicos “Ex”, em áreas classificadas com a presença de atmosferas explosivas, formadas por gases inflamáveis ou poeiras combustíveis. 

Exemplo de conjunto motor + acoplamento + caixa de engrenagem, contendo de equipamentos elétricos e mecânicos “Ex”, para instalação em áreas classificadas, contendo a presença de atmosferas explosivas, formadas por gases inflamáveis ou poeiras combustíveis. 

Mais informações sobre o escopo de acreditação do Laboratório de Ensaios de Equipamentos de instrumentação, automação, telecomunicações, elétricos e mecânicos “Ex” do CPEx estão disponíveis na página do Inmetro:

http://www.inmetro.gov.br/laboratorios/rble/docs/CRL1727.pdf

Autor:

Por Roberval Bulgarelli, consultor sobre equipamentos e instalações em atmosferas explosivas, engenheiro eletricista, com mestrado em proteção de sistemas elétricos de potência pela POLI/USP. Organizador do Livro “O ciclo total de vida dos equipamentos e instalações em atmosferas explosivas”.

Compartilhe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

No data was found

Próximo evento

Evento: CIDE
Data: 05/06/2024
Local: Transamerica Expo Center
00
Dias
00
Horas
00
Min.
00
Seg.
Evento: Energy Summit 2024
Data: 17/06/2024
Local: Rio de Janeiro/RJ
00
Dias
00
Horas
00
Min.
00
Seg.
Evento: ENASE
Data: 19/06/2024
Local: Hotel Windsor Oceânico - Rio de Janeiro (RJ)
00
Dias
00
Horas
00
Min.
00
Seg.
Evento: EXPOELETRICA 2024
Data: 16/07/2024
Local: Centro de Convenções Frei Caneca - 4º andar
00
Dias
00
Horas
00
Min.
00
Seg.

Controle sua privacidade

Nosso site usa cookies para melhorar a navegação.