PTI desenvolve eletroposto para testes da Nissan em veículos elétricos

abr, 2019

Desenvolvimento da tecnologia é parte do projeto de parceria entre o Parque Tecnológico Itaipu (PTI), por meio do Instituto de Tecnologia Aplicada e Inovação (Itai) e a Nissan

O Parque Tecnológico Itaipu (PTI) desenvolveu um eletroposto, estação de carregamento, para que a Nissan do Brasil faça testes em veículos elétricos. O pedido da solução partiu da própria Nissan, após a assinatura do protocolo de intenções com o PTI, por meio do Instituto de Tecnologia Aplicada e Inovação (Itai), em fevereiro deste ano, firmada em prol da mobilidade elétrica e do desenvolvimento de tecnologias capazes de impulsionar esse setor no país.

O eletroposto, considerado referência no mercado brasileiro, será cedido para a fábrica da Nissan instalada em São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba, em regime de comodato, para um período de dois anos de teste e validação do produto.

De acordo com técnicos, o carregador funciona de maneira simples, basta conectá-lo ao veículo e o carregamento se inicia de forma automática, sendo compatível com qualquer carro que possua plugs do Tipo 2. Essa é uma solução preparada para se comunicar com sistemas inteligentes de monitoramento, parte de uma série de tecnologias desenvolvidas pelo PTI.

Segundo o gerente do Instituto de Tecnologia Aplicada e Inovação (Itai), Rodrigo Bueno Otto, o desenvolvimento da estação demonstra a capacidade de atendimento do PTI e do Instituto às demandas existentes no mercado. “Essa parceria fortalece o propósito do Parque Tecnológico Itaipu em ser referência na produção de tecnologia nacional”, destacou Otto.

Comentários

Deixe uma mensagem