Pesquisa – Dispositivos elétricos de proteção, manobra e comando BT-MT

jul, 2018

Crise política e desaceleração da economia brasileira dificultam realização de negócios pelas empresas do mercado de dispositivos elétricos

De acordo com a pesquisa Focus, do Banco Central, divulgada na primeira semana de julho de 2018, a previsão de crescimento do PIB para 2018 é de 1,55% depois de passar por oito reduções consecutivas. Para 2019, os especialistas preveem crescimento de 2,50%, também após passar pela quarta redução. As projeções já foram piores, mas estão longe de estarem em uma posição confortável. Ocorre que essa retomada – ainda que modesta – da atividade econômica brasileira ainda não alcançou a particularidade do mercado de dispositivos elétricos. Para a maioria das empresas deste setor, a crise política e a desaceleração da economia brasileira ainda provocam sérios entraves ao crescimento deste mercado. Isso é o que mostra a pesquisa publicada nesta edição, realizada com fabricantes e distribuidores de dispositivos elétricos de proteção, manobra e comando.

Apesar da baixa expectativa das empresas pesquisadas, elas estão confiantes de que encerrarão o ano de 2018 com crescimento médio de 7%, índice superior ao registrado no ano passado, quando as empresas apresentaram crescimento médio de 4% na comparação com o ano anterior, 2016. Para o mercado como um todo, a estimativa das companhias consultadas é de que o crescimento médio do mercado de dispositivos elétricos seja de 5%. Em virtude dos números despretensiosos, a previsão de contratação também é limitada: na média, as empresas pesquisadas planejam aumentar seu quadro de funcionários em apenas 4%.

 

Clique aqui para fazer o download da pesquisa na íntegra. 

 

Comentários

Deixe uma mensagem