Passo a passo – Separador de fases para baixa e média tensão

jan, 2010

Edição 47, Dezembro de 2009

Por Alessandro Mendes

O separador de fases foi desenvolvido para promover o espaçamento de cabos de energia elétrica com maior segurança, mesmo se forem condutores de diferentes bitolas, utilizando para isso um único equipamento. Fabricado em polímero de alta resistência mecânica e resistente a intempéries, o produto pode ser utilizado em rede secundária com quatro ou cinco condutores. Por meio da compressão mecânica do material polimérico, o Separador de Fases ainda tem a função de fixador.

Aplicando o equipamento, não é necessário utilizar amarrações, o que diminui a possibilidade de desligamentos em baixa e média tensão, de queima de transformadores e outros problemas elétricos, devido à sobrecarga dos circuitos e contato entre os condutores. Confira, a seguir, o passo a passo de utilização do separador de fases para instalar cabos elétricos de baixa e média tensão.

 

1º Passo

Inicialmente passe o separador por cima da rede secundária certificando-se que os três pontos de fixação dos condutores estejam voltados para cima.

 

2º Passo

Após verificar o posicionamento correto do separador inicie o procedimento de aplicação utilizando um alicate bomba d’água de 12 polegadas para auxiliar na fixação de condutores com bitolas iguais ou superiores a 4/0 AWG. Para bitolas inferiores a 4/0 AWG, a aplicação pode ser realizada com as mãos.

 

Utilizando um alicate bomba d’água: Posicione o alicate conforme mostrado nas imagens, utilizando as abas laterais do Separador como apoio. Pressione e gire o alicate para baixo. Se for necessário, finalize a aplicação com as mãos ou ajuste o alicate.

 

Utilizando as mãos: Posicione as mãos conforme mostrado nas imagens, utilizando as abas laterais do Separador como apoio. Empurre o condutor para cima, contra a lingueta do equipamento, e pressione até acomodar totalmente o cabo.

 

3º Passo

Após a aplicação do condutor neutro (2º passo), inicie a aplicação dos condutores fase, conforme as situações mostradas a seguir.

 

• Fase A

Utilizando um alicate bomba d’água: Utilize as abas laterais do Separador para auxiliar no apoio do alicate e realize a aplicação pressionando e girando este para cima. Quando for necessário, finalize a aplicação com as mãos ou ajuste o alicate.

 

Utilizando as mãos: Posicione as mãos conforme mostrado nas imagens, utilizando as abas laterais do Separador para apoio. Empurre o condutor para baixo, contra a lingueta do equipamento, e pressione até acomodar totalmente o cabo.

 

4º Passo

Repita o 3º passo para as duas fases restantes de condutores.

 

5º Passo

Após realizar todas as etapas anteriores, finalize a aplicação certificando-se que os condutores estão completamente alojados nos quatro pontos de fixação.

 


 

ALESSANDRO MENDES é engenheiro eletricista e supervisor de pesquisa e desenvolvimento da Incesa.

Comentários

Uma Resposta

  1. Genealdo Silva dos Santos disse:

    Imaginem como me sinto,quando ando na rua e vejo o separador de cabos de energia,em todo o lugar que ando e lembro que foi eu que fiz,registrei e não ganhei nem um sentavo?
    Imaginem como me sinto,quando lembro que estava negociando minha viagem a São Paulo para assinar o contrato com uma grande empresa como a Building que iria fabricar e comercializar dentro da lei e do respeito pagando a quem era de direito?
    Imaginem como me senti,quando o diretor comercial da empresa me ligou e disse que estavam desistindo, por que estavam fazendo e colocando nas redes elétricas e não queriam entrar em disputa judicial , e me mandaram por fax o desenho do separador que estava sendo vendido?
    Imaginem como me sinto quando lembro que poria ter uma situação financeira melhor e poderia ter feito muito mais como a turbina tubulada que cai no conto do vigário a dezeseis anos e dois novos meios de geração de energia fora outros que podem render um bom dinheiro .
    Imaginem como me sinto , quando entro na internet e vejo vários modelos sendo oferecido e colocando como produto patenteado.
    Imaginem como me sinto,quando lembro que o dispositivo isolador de bornes de transformador eu estava em negociação com a Frenzel e a Vanplast e aconteceu a mesma coisa.
    Quem sabe se um dia arrume um patrimônio e vão acreditar.

Deixe uma mensagem