Parece milho em panela com óleo quente

mar, 2015

Edição 108 – Janeiro 2014
Por Jobson Modena

Apesar de trágico, o momento não poderia ser mais apropriado para o lançamento da nova versão da ABNT NBR 5419. Desde o início do ano até o momento em que este artigo estava sendo escrito, já haviam sido noticiados mais de 100 acidentes com raios no Brasil, com a morte de oito pessoas apenas no estado de São Paulo. 

Desde o dia 5 de janeiro deste ano, o grupo que revisa o texto da norma da CE 64.10 vem trabalhando diariamente para analisar as contribuições enviadas pelos colegas de diversas partes do país, após o texto ter permanecido por seis meses em consulta pública. Foram mais de 400 análises que, quando rearranjadas (por assunto, alterações formais e opiniões com sugestões), resultaram em mais de 120 itens válidos. É importante mencionar que apenas os textos entregues até o prazo limite, 10 de dezembro de 2014, foram considerados.

Assim que toda essa informação for analisada será agendada uma reunião para apresentação e consequente validação desse trabalho pela comunidade técnica. Todos os participantes serão avisados e, caso desejem, poderão comparecer a fim de oficializar as decisões tomadas. Feito isso, as planilhas com as contribuições serão enviadas à ABNT para as devidas providências.

Todas as vezes que fui questionado sobre a data de publicação da ABNT NBR 5419, sempre agi de forma cautelosa e não farei diferente desta vez. Tenho muita esperança de que uma ABNT NBR 5419:2015 seja publicada ainda neste semestre.

Todo o exposto nos leva a um assunto bastante importante: é óbvio que muitas ações já vêm sendo tomadas para divulgação desse novo texto, mas cuidado com aquelas promovidas pelos “falsos profetas”, pessoas que em dez anos de revisão tiveram seu nome colocado em uma única lista de presença de uma ata de reunião da revisão e se autointitulam “revisores da norma” ou “membros da comissão de estudos”. Já tive a oportunidade de me deparar com alguns artigos na internet ou mesmo com propaganda de cursos e eventos mencionando a participação dessas pessoas, como se elas fossem detentoras do conhecimento antecipado de tudo o que aconteceu e, pior, do que está por vir na nova NBR 5419.

De nossa parte estamos promovendo seminários técnicos on-line e presenciais (seminário de lançamento da norma (aguarde divulgação da data), palestras na FIEE e em seus eventos paralelos etc.), além do “Espaço 5419” que estreou este mês aqui na revista O Setor Elétrico. Tudo isso com o tempero adicionado pelas pessoas que realmente nos acompanharam nesses dez longos anos de revisão.

Esperamos que os interessados fiquem ligados e, principalmente, que procurem a informação na fonte correta para não tomar um caminho incerto e provavelmente ter de retornar ao início para entrar na estrada certa.

Feliz 2015, feliz recomeço a todos!

Comentários

Deixe uma mensagem