Confiança do empresário da indústria eletroeletrônica sobe em agosto

ago, 2019

Segundo a Abinee, o índice ficou em 57,9 pontos, terceira alta consecutiva deste ano

 

O Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) do Setor Eletroeletrônico atingiu 54,4 pontos em agosto de 2019, de acordo com dados da Confederação Nacional da Indústria (CNI), agregados pela Abinee. O resultado representa uma alta de 2,5 pontos em relação ao mês de julho. Esta é a terceira alta consecutiva do ICEI após quatro quedas seguidas.

A elevação do ICEI do setor foi consequência do incremento de 7,4 pontos da área elétrica, que passou de 51,4 em julho de 2019 para 58,8 pontos em agosto de 2019. Por outro lado, o ICEI da área eletrônica diminuiu 2,7 pontos, recuando de 58,6 para 55,9 pontos, no período citado.

Com esses resultados, o ICEI do setor vem se afastando da linha dos 50 pontos, o que mostra aumento da confiança do empresário neste segundo semestre, porém ainda em patamar inferior ao observado em janeiro de 2019 (65,1 pontos). O ICEI varia de 0 a 100 pontos, sendo que valores acima de 50 pontos indicam confiança do empresário industrial e abaixo de 50 pontos mostram falta de confiança.

O presidente da Abinee, Humberto Barbato, acredita que a melhora no ânimo do empresário está relacionada ao andamento da Reforma da Previdência, além de uma expectativa em relação ao segundo semestre, que, historicamente, apresenta maior dinamismo nos negócios do setor. “Os números ainda apontam uma apreensão do empresário, principalmente, do segmento eletrônico”, pondera. Segundo ele, esse cenário pode se reverter com o avanço nas discussões sobre nova Lei para BITs (Bens de Informática e Telecomunicações). “As conversas estão em andamento e esperamos ter um retorno positivo em breve”, completa.

Comentários

Deixe uma mensagem