CINASE aporta em Recife

set, 2015

Segunda etapa de 2015 do reformulado Circuito Nacional do Setor Elétrico (CINASE) reuniu 300 profissionais, que participaram das palestras e ainda testaram os conhecimentos adquiridos em workshop prático.

Em sua 22ª edição, o Circuito Nacional do Setor Elétrico (CINASE) foi a Recife pela terceira vez, em seis anos de existência, com a proposta de levar conhecimento técnico para os profissionais da região. Reformulado, desde a primeira etapa deste ano, realizada na cidade de Joinville (SC), o evento busca abordar, tecnicamente, toda a cadeia do setor elétrico, passando por GTD, instalações elétricas de média e baixa tensões.

Realizado entre os dias 8 e 9 de setembro no Mercure Recife Mar Hotel Conventions, na cidade de Recife (PE), mais uma vez confirmou-se o elevado nível dos participantes presentes, assim como a qualidade do conteúdo apresentado pelos palestrantes. O auditório contou com a presença de cerca de 300 profissionais, entre engenheiros eletricistas, técnicos, tecnólogos, executivos e estudantes.

Com o tema adotado para este ano de 2015, “Uma viagem pelas instalações elétricas”, o CINASE acompanhou a transformação pela qual passou no início do ano. O novo conceito adotado pelo evento objetiva transmitir ao participante uma verdadeira imersão ao mundo das instalações elétricas, desde a geração de energia, passando pela transmissão e distribuição, até chegar à baixa tensão e, efetivamente, ao consumo da eletricidade. Assim, as palestras foram organizadas de modo a abordar diversas temáticas do ciclo da energia elétrica, como a dinâmica dos transformadores, a qualidade da energia, os painéis de média e baixa tensão, a eficiência energética na indústria, a proteção e o aterramento, a segurança do trabalho, as linhas elétricas e a iluminação.

A abertura do evento deu-se com a palestra “O panorama energético sob o olhar da concessionária”, feita pelo presidente da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe), Antonio Carlos Sanches. Para ele, o setor elétrico atua no longo prazo e, embora o momento seja difícil e de crise, o importante é manter o trabalho com foco no cliente dentro dos custos visando o longo prazo. “A crise é passageira e, quando vier a retomada, a concessionária precisa estar preparada para uma demanda maior e, assim, conseguir atender à população e ao setor industrial a contento”, afirmou.

Em seguida, o vice-presidente da Associação Brasileira de Energia Eólica (ABEEólica), Pedro Cavalcanti Filho, abordou o tema “Panorama do setor eólico – Desafios e oportunidades”, em que destacou que a fonte eólica já é uma realidade no país e que agora o desafio da associação é contornar os obstáculos que impedem o crescimento e desenvolvimento deste setor. Cavalcanti ressalta que os obstáculos enfrentados hoje existem por conta da história recente no país e propõe uma ação conjunta entre setor privado, setor que atua como agente e setor público para equacionar as dúvidas e transformá-las em ações. A energia eólica é uma das soluções para este momento. “A eólica é uma solução limpa, renovável, geradora de empregos, traz segurança energética e contribui de forma significativa para a captação de capital estrangeiro”, concluiu.

CINASE virtual

 

Uma das grandes novidades do CINASE – Etapa Recife foi a disponibilização do aplicativo (APP) que leva o nome do evento e que foi essencial para o sucesso do congresso. Isso porque a ferramenta conferiu praticidade e permitiu maior interatividade entre congressistas, palestrantes, organizadores e patrocinadores do evento.

Para o diretor do CINASE, Massimo Di Marco, o aplicativo foi fundamental para conferir uma grande interatividade ao longo do evento, com destaque para as perguntas e respostas, para as ações promocionais e para a rodada de negócios, ações que permitiram que os participantes se mantivessem conectados antes, durante e após o evento.

O aplicativo foi implementado por conta de uma parceria com a empresa InEvent. O CCO (do inglês, Chief Commercial Officer) da empresa, Vinicius Neris, enfatiza que o objetivo do aplicativo foi permitir um networking com todos os participantes e palestrantes do evento, permitir o envio de dúvidas para os palestrantes e de convites para o LinkedIn, além da possibilidade de envio de mensagens pelo chat do aplicativo e entrega da avaliação ao final de cada atividade.

O APP CINASE está disponível gratuitamente nas lojas da Apple ou do Google (Android).

 

 

 

Comentários

Deixe uma mensagem