Publicidade - Revista O Setor Eltrico
Publicidade - Revista O Setor Eltrico

Revista O Setor Elétrico


Atitude Editorial

 

 

Facebook - O Setor Elétrico Twitter - O Setor Elétrico You Tube - O Setor Elétrico RSS - O Setor Elétrico

Instrução técnica IT-41

E-mail Imprimir

Edição78 - Julho de 2012

Por Paulo Takeyama

Em estudos desde o ano de 2004, o texto contido na Instrução Técnica Nº 41/2011 – Inspeção visual em instalações elétricas de baixa tensão – surgiu da necessidade manifestada pelo Corpo de Bombeiros de terem um instrumento para avaliação visual de instalações elétricas e seu potencial risco de incêndio. O documento foi redigido de maneira colaborativa por bombeiros, engenheiros eletricistas e entidades técnicas.

 

O objetivo é estabelecer parâmetros para a realização de inspeção visual (básica) das instalações elétricas de baixa tensão das edificações e das áreas de risco, atendendo às exigências do Decreto Estadual nº 56.819/11 – Regulamento de segurança contra incêndio das edificações e áreas de risco do Estado de São Paulo.

Dessa maneira, desde o dia 9 de maio de 2011, sempre que solicitado ou renovado o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), a inspeção visual das instalações elétricas de baixa tensão, conforme a IT-41, será obrigatoriamente aplicada. Ver abaixo o anexo A.

A aplicação se dá, então, em edificações e área de risco quando da sua construção (edificação nova); em caso de reforma; de mudança de ocupação; de ampliação da área construída; regularização de áreas existentes; edificações existentes; renovação do AVCB.

Esta foi uma das iniciativas mais interessantes em prol da segurança das instalações elétricas em baixa tensão. A proposta é que a medida incentive a certificação das instalações, de forma voluntária ou compulsória.

O documento segue o item “7. Verificação final” da norma de instalações elétricas de baixa tensão, a ABNT NBR 5410, que diz que “7.1.1 – Qualquer instalação nova, ampliação ou reforma de instalação existente deve ser inspecionada e ensaiada, durante a execução e/ou quando concluída, antes de ser colocada em serviço pelo usuário, de forma a se verificar a conformidade com as prescrições desta norma”.

Dessa maneira, com relação à norma ABNT NBR 5410, a inspeção requerida pela IT-41 diz respeito a:

7.2 – Inspeção visual 1

7.2.1 – A inspeção visual deve preceder os ensaios e ser efetuada normalmente com a instalação desenergizada.

7.2.2 – A inspeção visual é destinada a verificar se os componentes que constituem a instalação fixa permanente:

 a) são conforme as normas aplicáveis;

 b) foram corretamente selecionados e instalados de acordo com esta norma;

 c) não apresentam danos aparentes que possam comprometer seu funcionamento adequado e a segurança.

7.2 – Inspeção visual 2

7.2.3 – A inspeção visual deve incluir no mínimo a verificação dos seguintes pontos:

 a) medidas de proteção contra choques elétricos;

 b) medidas de proteção contra efeitos térmicos;

 c) seleção e instalação de linhas elétricas;

 d) seleção, ajuste e localização dos dispositivos de proteção;

 e) presença de dispositivos de seccionamento e comando, sua adequação e localização;

 f) adequação dos componentes e das medidas de proteção às condições de influências externas existentes;

 g) identificações dos componentes;

 h) presença das instruções, sinalizações e advertências requeridas;

 i) execução das conexões;

 j) acessibilidade.

  

Entre as premissas do documento, estão:

• A instalação elétrica a ser avaliada deve atender a todas as prescrições da ABNT NBR 5410, concessionárias e regulamentos de outras autoridades;

• Cabe ao responsável técnico contratado a respectiva responsabilidade quanto ao projeto e/ou execução da instalação ou manutenção;

• Ao proprietário ou responsável pelo uso do imóvel, cabe a manutenção e a utilização adequadas das instalações elétricas;

• Visa verificar a existência de medidas e dispositivos essenciais à proteção de pessoas e das instalações elétricas contra possíveis situações de risco de incêndio e choques elétricos.

Resultados da inspeção das instalações elétricas

Para a sociedade

• Diminuição de acidentes com eletricidade.

• Redução de gastos com saúde.

• Redução do risco de incêndio.

• Valorização do investimento em geração de energia.

• Minimização da ocorrência de casos como os ilustrados na Figura 1.

 Exemplos de não conformidades grosseiras encontradas em instalações elétricas de baixa tensão.

É de extrema importância destacarmos o imprescindível papel que caberá ao corpo de bombeiros, que irá à obra e fará a indispensável e importantíssima função de verificador de que, de fato, as exigências mínimas para uma boa instalação elétrica estão sendo observadas naquele prédio/obra que ele está avaliando. Contribuindo com isso, nessa sua especial missão, para que as instalações elétricas se tornem seguras, fazendo o trabalho preventivo que tanto nós da comunidade técnica como essa brava corporação almejamos. Uma sociedade protegida de leigos e maus profissionais, nesta importante área, que provoca anualmente dezenas de mortes e ocorrem dentro da sua própria residência e/ou escritório de trabalho.

Abaixo, reproduzimos o anexo A, cujo roteiro é o check-list da instalação segura.

 

Anexo A

 

Nota importante!

Muito se tem questionado sobre quem deve se responsabilizar pelo anexo A – o check-list com os 16 itens – que a corporação do Corpo de Bombeiros deverá compulsoriamente verificar.

A Câmara Especializada de Engenharia Elétrica do CREA/SP, respondendo a uma consulta formal realizada pelo Corpo de Bombeiros à Presidência CREA/SP, formalizou a resposta no final de 2011, aprovado em reunião da Câmara Especializada de Engenharia Elétrica, deixando muito claro que, devido à exigência de elaboração de projeto elétrico executivo para que se possa satisfazer todos os itens da lista de verificação fica, portanto, esclarecido e decidido que quem tem atribuições para assinar por esta responsabilidade é o engenheiro eletricista.

Conclusão

De acordo com o discutido neste artigo, a conclusão é que todos os membros da comunidade técnica brasileira têm a responsabilidade de atentar para a efetiva aplicação da IT-41, contribuindo com o Corpo de Bombeiros para a preservação da sociedade contra os riscos da má utilização deste indispensável insumo que é a eletricidade. A Instrução Técnica nº 41, embora válida apenas para o Estado de São Paulo, é um importante aliado e certamente estimulará a certificação compulsória das instalações elétricas.

Referências

• ABNT NBR 5410/04 – Instalações Elétricas de Baixa Tensão.

• IT41/11 – Inspeção Visual em Instalações Elétricas de Baixa Tensão.

• Lei Federal 11.337 26/07/06 – Obrigatoriedade das Edificações Possuírem Sistema de Aterramento a Existência do Condutor Terra de Proteção.

Paulo Takeyama é engenheiro eletricista e diretor do Departamento de Engenharia do Mundo Elétrico Salto Ltda. É coordenador-adjunto da Câmara Especializada de Engenharia Elétrica do CREA/SP e membro do Comitê Brasileiro de Eletricidade CE-03:064.10 – Comissão de Estudo de Proteção contra Descargas Atmosféricas.

Veja também:

Itens relacionados:
Itens mais atuais:
Itens mais antigos:


Comentários  

 
0 #12 engenheiro eletricistaJosé Maria Aguiar 2014-10-03 11:18
Bom dia,executo vistorias e anexo A da It 41,participei de reuniões do corpo de bombeiros de Barueri na implantação da mesma.Ultimamente os fiscais do corpo de bombeiros da minha região estão passando informações ao cliente que só é necessaria a Art do Eng civil ignorando na inspeção a IT 41,entrei em contato com a area de projeto do CB Atibaia SP,que me informou ser um acordo entre o CREA e os superiores por falta de profissionais...achei estranho o CREA incentivar o exercício ilegal da profissão quando liberam para o eng Civil assinar o anexo A da IT 41,ou pode se tratar de negligencia do corpo de bombeiros em não exigir o doc de vistoria e ART adequada.
Citar
 
 
+3 #11 ANEXO R laudo de conformidade das instalações elétricasFELIPE SOUZA 2014-04-11 11:01
Respondendo Wellinton:
Olá,
Gostaría de saber quanto que se pode cobrar por um
laudo de "conformidade das instalações elétricas(ANEXO R)"


Wellinton,

Eu engenheiro eletricista.E o pessoal está procurando o meu serviço do anexo R.
Você conseguiu saber quanto custa o valor do anexo R.

Obrigado pela atenção
Citar
 
 
+1 #10 ANEXO R laudo de conformidade das instalações elétricasFELIPE SOUZA 2014-04-11 10:55
Olá,
Gostaría de saber quanto que se pode cobrar por um
laudo de "conformidade das instalações elétricas(ANEXO R)"
Citar
 
 
+1 #9 ANEXO R laudo de conformidade das instalações elétricasFELIPE SOUZA 2014-04-11 10:54
Bom dia!
Gostaria de saber quanto que se pode cobrar por um
laudo de "conformidade das instalações elétricas(ANEXO R)
Citar
 
 
+2 #8 eng eletricistaMarcos Amaral 2014-03-30 14:38
Já estive às voltas com essa dúvida.
Como a grande maioria das instalações não atendem nem à IT-41 do Corpo de Bombeiros, resolvi não pensar em cobrar por laudo. Cobro por vistoria e aponto discordâncias e soluções. Posso participar atuando nessas soluções e, após tudo realizado, a ART de laudo pode sair até de graça.
Não emito laudo de conformidade na promessa de realização de serviços por parte dos interessados. Eles não cumprem e meu título, como o seu, foi conseguido a "duras penas".
Não se prostitua!
Citar
 
 
+11 #7 Tecnologo Maq.e Equip.Eletricos e Téc.eletrotécnica plenoROBINSON CAMPOS 2014-03-07 22:59
Conforme Decisão Normativa 070 do CONFEA; Decreto 90922 e Resol.473 do CONFEA, , com o código 122.08.00, Grupo de Engenharia, Modalidade Eletricista, como responsável técnico, o profissional Tecnólogo, habilitado nesta área, pode assinar o Laudo AVCB - anexo "R" para o bombeiro ?
Citar
 
 
+4 #6 RE: Instrução técnica IT-41cesar pacca bueno 2013-09-03 15:34
não visualizei as respostas
Citar
 
 
+12 #5 Tecnico em EletrotecnicaAlirio Macedo 2013-05-28 22:10
Gostaría de saber quanto que se pode cobrar por um
laudo de "conformidade das instalações elétricas(ANEXO R)
Citar
 
 
+20 #4 Engenheiro EletricistaWellinton 2013-02-06 20:03
Olá,
Gostaría de saber quanto que se pode cobrar por um
laudo de "conformidade das instalações elétricas(ANEXO R)"
Citar
 
 
+2 #3 Engenheiro EletricistaWellinton 2013-02-06 20:01
Olá,
Gostaría de saber qual é a média que se pode cobrar por um laudo de "conformidade das instalações elétricas(Anexo R)"
Citar
 

Adicionar comentário


Security code
trocar