Resposta da edição 72

fev, 2012

Observe a imagem a seguir e identifique os problemas de acordo com as prescrições da ABNT NBR 5410 – norma de instalações elétricas de baixa tensão. 

 

 

O leitor RODRIGO ROLDÃO PEREIRA identificou corretamente os erros da instalação ilustrada ao lado, conforme orienta a norma de instalações elétricas de baixa tensão ABNT NBR 5410. O vencedor tem direito então a uma inscrição gratuita em um curso a distância na área de instalações elétricas da Hilton Moreno Consulting. Parabéns a todos os leitores que mandaram suas respostas e continuem participando!

Confira a resposta correta:

A situação indicada na foto é muito interessante na medida em que ela não é tratada diretamente por nenhum item da ABNT NBR 5410, embora pareça haver um consenso de que algo não está adequado neste caso. O arranjo em questão parece pouco seguro, pois pessoas podem danificar os componentes e isso pode colocá-las em situação de risco. A boa prática da engenharia (e o bom senso) indica que tomadas de piso nunca devem estar situadas em áreas de circulação, assim como condutores elétricos soltos no piso não são seguros. O mais próximo que essa situação é relatada na ABNT NBR 5410 está no objetivo da norma (1.1), que diz que a instalação deve garantir a segurança das pessoas e em 4.2.1.2.3.e) que afirma que “os pontos de tomada destinados a alimentar mais de um equipamento devem ser providos com a quantidade adequada de tomadas”, o que evita o uso de benjamins ou extensões.

 

1 Objetivo

1.1 Esta norma estabelece as condições a que devem satisfazer as instalações elétricas de baixa tensão, a fim de garantir a segurança de pessoas e animais, o funcionamento adequado da instalação e a conservação dos bens.

 

4.2.1.2.3 Pontos de tomada:

a) em locais de habitação, os pontos de tomada devem ser determinados e dimensionados de acordo com 9.5.2.2;

b) em halls de serviço, salas de manutenção e salas de equipamentos, tais como casas de máquinas, salas de bombas, barriletes e locais análogos, deve ser previsto no mínimo um ponto de tomada de uso geral. Aos circuitos terminais respectivos deve ser atribuída uma potência de no mínimo 1000 VA;

c) quando um ponto de tomada for previsto para uso específico, deve ser a ele atribuída uma potência igual à potência nominal do equipamento a ser alimentado ou à soma das potências nominais dos equipamentos a serem alimentados. Quando valores precisos não forem conhecidos, a potência atribuída ao ponto de tomada deve seguir um dos dois seguintes critérios:

???? potência ou soma das potências dos equipamentos mais potentes que o ponto pode vir a alimentar, ou

???? potência calculada com base na corrente de projeto e na tensão do circuito respectivo;

d) os pontos de tomada de uso específico devem ser localizados no máximo a 1,5 m do ponto previsto para a localização do equipamento a ser alimentado;

e) os pontos de tomada destinados a alimentar mais de um equipamento devem ser providos com a quantidade adequada de tomadas.

 

Comentários

Deixe uma mensagem