Qual seu nível de atualização em relação ao assunto “proteção contra descargas atmosféricas”?

nov, 2016

Sistematicamente, tenho sido procurado por pessoas que não sabem ao certo como proceder para se atualizar à ABNT NBR 5419:2015 – dúvidas relativas a conceitos básicos e práticos que envolvem cálculos e ensaios ou sobre o dia a dia da instalação. Dessa demanda surgiu a ideia de utilizar este espaço para nortear aos bem-intencionados. A seguir são relacionadas dez questões básicas para uma autoavaliação e determinação da real necessidade do leitor.

Após responder às dez questões compare com o gabarito fornecido e decida.

Sugestão: se após passar pelo teste, sem pressão ou qualquer tipo de distração, sua nota for menor do que oito você precisa urgentemente de atualização de conceitos básicos. Se conseguir entre nove e dez acertos, avalie qual a dificuldade que teve para obtê-los e procure o caminho que julgar mais indicado.

Quero advertir que esta ferramenta não teve nenhum apoio psicológico ou de profissionais de RH, estando baseada apenas na experiência adquirida no envolvimento com cerca de 800 profissionais que participaram dos cursos e palestras que ministrei desde julho de 2015.

As siglas, nomenclaturas e definições constam da ABNT NBR 5419:2015.  Sucesso!

  1. No assunto “proteção contra raios”, quando tratado segundo a ABNT NBR 5419:2015, deve(m) ser considerado(s):
  2. ( ) Somente o SPDA
  3. ( ) O SPDA externo, o SPDA Interno e as MPSs
  4. ( ) O Para-raios e a instalação de DPSs
  5. ( ) Nenhuma das anteriores

2) Qual a medida mais eficiente na proteção à vida em áreas abertas contra descargas atmosféricas?

  1. ( ) Instalar SPDA externo
  2. ( ) Retirar as pessoas antes da ocorrência de raios transferindo-as para locais fechados, providos de PDA
  3. ( ) Retirar as pessoas antes da ocorrência de raios transferindo-as para locais cobertos, providos de PDA
  4. ( ) Nenhuma das anteriores

3) Quanto de eficiência estimada provê uma PDA nível 2?

  1. ( ) 90%
  2. ( ) 98%
  3. ( ) 84%
  4. ( ) 95%

4) Quais são os requisitos básicos para utilização de elementos metálicos, como SPDA externo natural?

  1. ( ) Materiais e dimensões conforme tab 3-Parte 3, fixação permanente e continuidade elétrica garantida
  2. ( ) Materiais metálicos, continuidade elétrica garantida e fixação permanente
  3. ( ) Estar dentro do volume de proteção imposto pala captação projetada
  4. ( ) Ter uso exclusivo como elementos de descida e aterramento

5) Qual o raio de proteção adotado para a esfera rolante se o SPDA externo for classe II?

  1. ( ) 10 m
  2. ( ) 20 m
  3. ( ) 30 m
  4. ( ) 40 m

6) Defina o limite entre os subsistemas de descida e de aterramento em um SPDA externo convencional:

  1. ( ) Na conexão do condutor de descida com o eletrodo de aterramento
  2. ( ) Na conexão entre o condutor de descida com o rabicho de aterramento
  3. ( ) Esse limite depende de onde os condutores estão fixados
  4. ( ) Nenhuma das anteriores

7) Qual a profundidade mínima a partir da superfície do solo para um eletrodo de aterramento convencional?

  1. ( ) 0,30 m
  2. ( ) 0,50 cm
  3. ( ) 0,60 cm
  4. ( ) 0,5 m

8) Como se pode prevenir centelhamentos entre a PDA e partes metálicas expostas?

  1. ( ) Verificando a isolação do materiais envolvidos
  2. ( ) Por equipotencialização (direta ou indireta) ou observando-se a distância de segurança
  3. ( ) Deixando portas e janelas afastadas mais do que meio metro do SPDA
  4. ( ) Nenhuma das anteriores

9) Surto modo comum é a diferença de tensão que aparece entre:

  1. ( ) Condutores fase somente
  2. ( ) Condutores fase e PE ou o aterramento
  3. ( ) Condutores vivos e PE ou o aterramento
  4. ( ) Condutores vivos e condutores de sinal

10) Qual o período para inspeção de uma usina termoelétrica?

  1. ( ) 1 ano – Por quê?
  2. ( ) 3 anos – Por quê?

 

Respostas:

ed130_colunista_jobson

Comentários

Deixa uma mensagem

%d blogueiros gostam disto: