Novas formas de gestão de energia da ISO

nov, 2014

Edição 105 – Outubro de 2014
Por Michel Epelbaum

Aproveito o momento pleno de normas de gestão de energia em fase final de elaboração no Comitê Técnico TC 242 da ISO (responsável pela ISO 50001 sobre sistemas de gestão de energia) para comentar sobre o andamento dos trabalhos deste comitê, por meio da situação atual de cada uma delas no processo de normalização:

WG1(*) – Gestão de energia

1. ISO 50001 – Sistemas de gestão de energia: requisitos com guia para uso. Esta norma só teria sua reavaliação periódica iniciada em 2016, mas foi antecipada pelo ISO/TC 242, considerando uma mudança na estrutura de todas as normas de sistemas de gestão em 2013, por meio da diretiva ISO/IEC – Parte 1 – Suplemento consolidado ISO – procedimentos específicos para a ISO, por meio do anexo 2 (Estrutura de alto nível, texto principal idêntico e termos e definições principais comuns para uso em normas de sistemas de gestão);

2. ISO 50004 – Sistemas de gestão de energia – diretrizes para a implementação, manutenção e melhoria do sistema de gestão de energia. Está no estágio FDIS(*) de aprovação, com prazo de votação internacional até 30/11/2014;

3. ISO 50003 – Sistemas de gestão de energia – requisitos para entidades de auditoria e certificação de sistemas de gestão de energia. A norma foi aprovada em 18/09/2014, e deverá ser publicada pela ISO em breve.

WG2(*) – Indicadores de desempenho em energia

4. ISO 50006 – Sistemas de gestão de energia – medindo o desempenho energético, usando indicadores energéticos de Linha de Base (EnBs) e de Desempenho (EnPIs) – princípios gerais e diretrizes. Está no estágio FDIS(*) de aprovação, com prazo de votação internacional até 30/11/2014.

WG3(*) – Medição & verificação do desempenho em energia

5. ISO 50015 – Sistemas de gestão de energia – medição e verificação do desempenho energético das organizações – princípios gerais e diretrizes. Está no estágio FDIS(*) de aprovação, com prazo de votação internacional até 25/10/2014.

WG4(*) – Oportunidades de melhoria 

6. ISO 50002 – Auditorias energéticas – requisitos com guia para uso. A norma foi publicada pela ISO em 23/06/14. No Brasil, a versão brasileira ABNT da ISO 50002 esteve em consulta nacional até 09/10/14, devendo ser publicada em breve.

Além destas normas, outro documento do TC 242 está no estágio inicial de elaboração (estágio de preparação), a ISO/AWI 19816 – Troca de dados energéticos de sistema de construção – uma abordagem sistêmica para avaliar o uso, consumo e eficiência energética e outros fatores usados para gerenciar o sistema de construção.

Vale comentar que os trabalhos da ABNT dentro da ISO TC 242 são feitos pela Comissão Especial de Estudos (CEE) – 116, que pode ser transformada no Comitê Brasileiro de Gestão e Economia de Energia.  Além do TC242, a ISO tem outro comitê técnico de trabalho relacionado à economia de energia, o TC 257, com interface com o comitê de gestão de energia já citado, e que tem alguns documentos em estágio final de normalização:

1. ISO 17741 – Regras técnicas gerais para medição, cálculo e verificação de economias de energia de projetos. O prazo de votação internacional da versão DIS (*) venceu em 09/10/2014 e em breve deverá ser elevada à FDIS (*).

2. ISO 17742 – Cálculo de eficiência e economias de energia para países, regiões e cidades. A norma foi aprovada em 02/10/2014 e deverá ser publicada pela ISO em breve.

3. ISO 17743.2 – Economias de energia – definição de uma estrutura metodológica aplicável ao cálculo e relato de economias de energia. O prazo de votação internacional da versão DIS (*) venceu em 09/10/2014 e em breve deverá ser elevada à FDIS (*).

4. ISO 17747 – Determinação de economias de energia em organizações. O prazo de votação do estágio CD (*) foi encerrado em 01/10/2014, podendo ser elevada à DIS (*) em breve. 

Não é por falta de ferramentas que deixaremos de buscar a melhoria da gestão e do desempenho energético!

Glossário (*)

TC – Technical Commitee (Comitê Técnico).
WG – Work Group (Grupo de Trabalho).
FDIS – Final Draft International Standard – estágio de aprovação.
DIS – Draft International Standard – estágio de consulta, anterior ao estágio de aprovação.
CD – Comitee Draft – estágio de Comitê.
WD &ndas

h; Working Draft – estágio preparatório, dentro do Grupo de Trabalho.

Comentários

Deixe uma mensagem