Energia solar incentivada

jun, 2017

A Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar) e o Governo de Goiás lançaram, em fevereiro, o Programa Goiás Solar, projeto que objetiva acelerar o desenvolvimento da fonte solar fotovoltaica no estado goiano.

O programa, viabilizado pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Recursos Hídricos, Infraestrutura, Cidades e Assuntos Metropolitanos (Secima), é fruto de mais de um ano de trabalho em cooperação com a Associação.

Com o lançamento do Programa Goiás Solar, que inclui inúmeras propostas e ações para acelerar a adoção da tecnologia fotovoltaica no estado goiano, a Absolar projeta um aumento significativo no número de sistemas solares fotovoltaicos a serem instalados na região a partir deste ano.

“O estado de Goiás tem sido uma liderança no incentivo ao desenvolvimento da energia solar fotovoltaica, tendo tomado uma série de medidas a favor desta fonte limpa, renovável e sustentável, como, por exemplo, a adesão ao Convênio ICMS 16/2015, que isenta de ICMS a energia da micro e minigeração distribuída, tornando-a mais competitiva. Goiás foi, na verdade, um dos três primeiros estados a aderir a esse convênio, liderando o Brasil no tema ”, comenta o presidente-executivo da Absolar, Rodrigo Sauaia.

O executivo lembra ainda que o estado goiano estabeleceu, por meio da GoiásFomento, a linha “Crédito Produtivo Energia Solar”, que viabilizou financiamento para microempresas, empresas de pequeno porte e empreendedores individuais para aquisição de equipamentos de geração de energia solar fotovoltaica.

Para complementar os esforços individuais dos estados do Centro-Oeste em prol do desenvolvimento da energia solar fotovoltaica na região, a Absolar trabalha junto com a Sudeco e os Governadores da região no desenvolvimento de uma linha de financiamento para o Centro-Oeste, similar à linha FNE SOL, em operação na região Nordeste do País.

Comentários

Deixa uma mensagem

%d blogueiros gostam disto: