Cinase supera expectativas em Fortaleza

jun, 2011

Edição 64 – Maio de 2011
Por Luciana mendonça

Após encerrar o primeiro ciclo de eventos pelo Brasil, realizado em 2010, reunindo mais de 1.000 profissionais, o Circuito Nacional do Setor Elétrico (Cinase) voltou em 2011 com força total e começou com o pé direito. A primeira etapa do ciclo 2011 foi realizada em Fortaleza (CE), nos dias 11 e 12 de maio, e registrou recorde de inscritos – 700 pessoas – e recorde de participantes – 500 profissionais entre engenheiros, técnicos, eletricistas, professores, estudantes e executivos estiveram reunidos nos dois dias de evento.

O circuito de palestras começou com o tema “Compatibilidade eletromagnética e aterramento em instalações de sistemas eletroeletrônicos”, proferido pelo especialista Roberto Menna Barreto. A segunda palestra foi ministrada por Hilton Moreno e teve como tema Dimensionamento econômico e ambiental de condutores elétricos: reduzindo as perdas elétricas e as emissões de gases de efeito estufa”. As duas palestras que fecharam o primeiro dia de Cinase abordaram automação de sistemas elétricos industriais e NR 10, ministradas, respectivamente, pelos engenheiros Marcelo Eduardo de Carvalho Paulino e João José Barrico de Souza.

No segundo dia de evento, os congressistas discutiram novas aplicações da automação residencial e predial e os tipos de quadros e painéis TTA e PTTA a partir das palestras realizadas por José Roberto Muratori, especialista em automação, e Cláudio Mardegan, que falou sobre as diferenças entre um quadro parcial e um totalmente testado e aprovado.

Os participantes ainda tiveram uma palestra sobre “Racionalização de consumo em sistemas de iluminação – verdades e mitos sobre Leds”, com a especialista Juliana Iwashita Kawasaki, e conheceram a nova normalização brasileira sobre aterramentos elétricos com o engenheiro Jobson Modena. Por fim, o engenheiro José Starosta discorreu sobre o tema “Compensação de energia reativa (correção de fator de potência) na presença de harmônicas e cargas especiais”.

Além das palestras, os participantes também puderam conhecer um pouco do que o mercado está oferecendo, graças à presença de empresas que apresentaram suas últimas novidades em produtos.

Além de colaborar com a disseminação de conhecimento, o Cinase também dá visibilidade e retorno de negócios às empresas patrocinadoras. Foi o que afirmou a supervisora de vendas da Novemp, Claudia Mara de Oliveira. “Nós temos a possibilidade de visitar outros Estados, levando o nome da empresa para diversos locais. Nosso estande foi bastante visitado em Fortaleza e já estamos recebendo retorno com possibilidades de negócios, como ocorreu em 2010. Os resultados têm sido bem favoráveis para a Novemp”, afirmou.

Para o gerente de marketing da Cordeiro Fios e Cabos Elétricos, Michael Zizzari, a empresa acredita e investe no Cinase porque “para nós é importante esta transferência de informações, principalmente para regiões que ficam afastadas dos grandes centros produtores de tecnologia. Apresentamos nossos produtos e ajudamos os profissionais a aplicá-los de acordo com as normas para garantir a segurança de todos”.

Para o engenheiro eletricista e professor de instalações elétricas da Universidade Federal do Ceará, o Cinase atende bem as expectativas de conhecimento, apesar do pouco tempo. “As palestras contemplaram temas importantes da área de instalações elétricas, o que é muito importante em um evento como este. Só lamento que sejam apenas dois dias, porque os temas são interessantes e com mais tempo poderíamos nos aprofundar mais em cada assunto”, afirma o engenheiro.

A engenheira eletricista e presidente do Sindicato dos Engenheiros do Estado do Ceará, Thereza Neumann Campos de Freitas, também concorda e afirma que o evento foi de extrema importância para os profissionais presentes. “Nós tivemos uma visão ampla de consulta a assuntos que são importantes para quem trabalha na área. É importante saber onde buscar informações para realizar projeto e execução. O evento também nos coloca em contato com fornecedores, unindo quem produz a inovação tecnologia e quem precisa dela para seus trabalhos e isso é muito importante. Espero que venham mais vezes para o Estado”, diz Thereza.

 

 



Confira a agenda do Cinase 2011:

Etapa Norte – Belém (PA) – dias 28 e 29 de junho

Local: Centro de Tecnologia da Eletrobras Eletronorte

 

Etapa Sul – Joinville (SC) – dias 20 e 21 de setembro

Local: Sociedade Educacional de Santa Catarina – Campus Marquês de Olinda (Sociesc)

 

Etapa Centro-Oeste – Goiânia (GO) – dias 18 e 19 de outubro

Local: Centro de Convenções da Câmara de Dirigentes Lojistas de Goiânia

 

Etapa Nordeste II – Salvador (BA) – dias 22 e 23 de novembro

Local: Pestana Hotels & Resorts

Comentários

Deixe uma mensagem