Luiz Fernando Arruda

Luiz Fernando Arruda é engenheiro eletricista, pós-graduado em gestão de negócios. Na Cemig, por 20 anos, trabalhou nas áreas de medição e proteção da receita. É assistente do presidente das Empresas de Distribuição da Eletrobrás, representa a IURPA (International Utilities Revenue Protection Association) no Brasil e é professor do curso sobre perdas não técnicas da Funcoge.

Tecnologia para as redes inteligentes

nov, 2016
A diversidade de opções e o aparecimento constante de novos fornecedores, de fato, sempre são sinais positivos, pois estimulam a concorrência sem sacrifício da qualidade, tendem a diminuir custos, geram novas ideias e aplicações e abrem oportunidade para novos negócios no combalido setor da distribu ... leia mais

Por onde começar a implantar as redes inteligentes no Brasil?

set, 2016
Sempre é melhor começar com uma vitória e, assim, que tal iniciar os projetos de “smart grid” pelos locais (ou “clusters”) em que certamente o retorno será positivo? Como no atual ambiente regulatório, somente a eliminação das perdas não técnicas garantem ganhos certos e o aumento destas perdas atu ... leia mais

Tentando entender o que pode ser “smart grid” no Brasil

ago, 2016
Este assunto é, de fato, fundamental para quem se ocupa com atividades ligadas ao sistema elétrico, seja na geração, seja na transmissão, seja na distribuição. Na verdade, trata-se de um conjunto de ações de digitalização ou automação de processos, hoje ainda executados como 100 anos atrás, conferi ... leia mais

Smart grid – riscos tecnológicos

jun, 2016
Edição 124 - Maio de 2016 Por Luiz Fernando Arruda No nosso ultimo encontro falamos, de forma bem resumida, sobre risco tecnológico quando se investe em Infraestrutura Avançada de Medição (AMI, sigla em inglês) ou em um sistema de automação mais abrangente que possa dar mais inteligência para as ope ... leia mais

Redes inteligentes: quem é contra?

abr, 2016
Edição 122 - Março de 2016 Por Luiz Fernando Arruda   Na coluna anterior, falamos sobre as “smartcities” e, dentre os comentários que recebi, me chamou a atenção aqueles que colocam a questão: quem é contra? Por que nada, ou quase nada, acontece? (mais…) ... leia mais

Smart cities

mar, 2016
Edição 121 - Fevereiro de 2016 Por Luiz Fernando Arruda Como nos nossos últimos encontros, o assunto tem sido relativo a prover mais inteligência ao grid de distribuição para incrementar qualidade e segurança e conseguir uma operação menos onerosa, fatalmente, temos que abordar o assunto, observando ... leia mais

Por que ter redes inteligentes?

fev, 2016
Edição 120 - Janeiro de 2016 Por Luiz Fernando Arruda Nos nossos últimos contatos, temos abordado o tema “redes inteligentes”, tentando identificar pontos positivos e respectivos ganhos que justifiquem o que será gasto. Em um momento em que a tarifa para o cliente cativo está na casa dos 1.000,00 R$ ... leia mais

Balanço geral de 2015

jan, 2016
Edição 119 - Dezembro de 2015 Por Luiz Fernando Arruda Mais um ano sem termos o que comemorar, a não ser por conseguir chegar até aqui sem grandes atropelos: salvos pela recessão, assistimos a demanda e o consumo caírem e nos tirar do grande risco de um iminente apagão! Assim, nem dá para comemorar ... leia mais